22/06/09

Nemátodo*




*Nemátodo da Madeira do Pinheiro (Bursaphelenchus xylophilus)

O nemátodo ataca o sistema de circulação da árvore, enfraquecendo-a e tornando-a mais susceptível ao ataque de outras pragas.

O contágio ocorre através de um insecto vector (em Portugal o longicórnio do pinheiro – Monochamus galloprovincialis, que transporta os nemátodos nas traqueias). A dispersão da doença está limitada à altura, e capacidade de voo dos insectos (entre Abril e Outubro).

Ataca a generalidade das espécies de pinheiro e outras coníferas, à excepção do género Thuia. Algumas espécies de pinheiro, como o pinheiro-bravo, pinheiro-larício e pinheiro-silvestre são muito susceptíveis.

O adulto do insecto vector alimenta-se nos raminhos e rebentos de árvores adultas, arrastando consigo estados juvenis do nemátodo, que penetram por estas feridas. O nemátodo coloniza rapidamente os vasos do xilema, bloqueando o seu funcionamento, o que provoca a morte da árvore. Nas árvores mortas o nemátodo alimenta-se dos fungos que provocam o azulamento da madeira (do género Ceratocystis). As árvores debilitadas ou recentemente mortas atraem as fêmeas do insecto vector, que aí fazem a postura, podendo transmitir igualmente nemátodos. As larvas desenvolvem-se e transformam-se em adultos, os quais são colonizados por nemátodos antes destes abandonarem as árvores atacadas na Primavera seguinte.

~ 7 comentários: ~

Kafia says:
at: 22 junho, 2009 19:32 disse...

Adoro a foto!
Não conhecia tal facto... extramamente interessante

Ana Lúcia says:
at: 22 junho, 2009 19:56 disse...

Quando li o título pensei que terias o fotografado estes minúsculos animais. ;) Já conhecia o ataque destes aos pinheiros, só lamento que não tenham escolhido o eucalipto. A imagem está um estrondo.

Carmem says:
at: 22 junho, 2009 20:29 disse...

É triste...mas todos sabemos que a natureza persiste nessa forma.
Agradeço o carinho em minha página...

Beijo e doce semana!

Remus says:
at: 22 junho, 2009 20:41 disse...

Todos os seres vivos têm direito a um lugar na natureza. Ao longo de milhões de anos, sempre houve harmonia. Nós, é que chegamos e estragamos tudo e desfizemos essa harmonia.

O preto e branco resultou bem.
Não consigo ver os nemátodos, mas acredito que eles estejam lá. :-)

João Reis says:
at: 22 junho, 2009 23:27 disse...

Dos bicharocos não sabia. Mas a foto está um mimo. O p&b resultou na perfeição. Gostei. Abraço

Caçador says:
at: 22 junho, 2009 23:48 disse...

Olha o que tu sabes... Curioso que depois de ler o texto, a foto ganha uma outra dimensão, um acréscimo de dignidade, mesmo sem conseguir ver os nemátodos.

Até logo,

♫ Melody ♫ says:
at: 20 fevereiro, 2011 17:40 disse...

Pretty picture!

~ Enviar um comentário ~

+

Disto e Daquilo + popular do mês

Estes e Aqueles

Destes e Daqueles

Caixa de Arquivo

Siga por e-mail

Estes Que Gostam Disto

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.